6 de jul de 2011

Garçom, traz a conta!

Mesa cheia, cada um contando seus medos. A fulana tem medo de amar e o ciclano de não ser amado... No outro cantinho da mesa o fulano falando baixinho que tem medo de doenças. E eu lá com o coração apertado, mão suada e rindo de tudo...
E você, qual é o seu medo?
Eu? Bom, eu tenho medo de viver...
Garçom, traz a conta!

- Gillian Caetano

Nenhum comentário:

Postar um comentário