23 de mai de 2014

Ex bom, é ex vivo!



Todo mundo fala com bastante certeza que um ex bom é ex morto; Mas, estou longe de concordar com isso. Até porque, não existe nada melhor para a autoestima do que ver que o fulano está namorando uma pessoa 10 centímetros mais baixa que você e com sobrenome “Pinto”. É piada na certa! 

Outra coisa boa em não ter "um falecido" em seu currículo é poder esfregar na cara e nas redes sociais que você está infinitamente melhor do que quando namorava com aquele encosto. Você perdeu aquele pneuzinho, fez um novo corte de cabelo e não usa mais antidepressivo. Todo mundo percebe isso, inclusive aquela pessoinha.

Agora, aparecer com um novo affair, estilo capa de revista, naquela festa em que todos os seus amigos estarão, é como ganhar na Mega Sena. Todo mundo vai comentar, e vão começar a dizer que você é demais e que, finalmente, encontrou um caminhão que merece essa areia toda, que você é!

Mas, o bom mesmo de ter um ex amor vivo, é saber disso e não se importar nem um pouquinho. E até torcer para que ele encontre um rumo na vida e arrume a sobrancelha junta que sempre lhe incomodou.

3 comentários:

  1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk adorei!!!!!

    ResponderExcluir
  2. É um grau de desprendimento tão bom que rola até desejar que aquele chupa charque tenha aprimorado suas sobrancelhas horrendas! Amei o texto!

    ResponderExcluir
  3. Nossa... hahahaha tapa na cara da sociedade. ...

    ResponderExcluir