26 de fev de 2015

O abraço que não tive


Esperei sua ligação como quem espera por um milagre...

Os dias nunca foram tão nublados, chove em mim o tempo inteiro.

Lembra quando me perguntou se eu te considerava uma boa pessoa? Menti na resposta.

Na minha inocência, procurei abrigo em um lugar vazio, dentro do seu coração. Órgão este que nem sei se ainda existe, a última vez que o vi ele estava mais oco do que madeira barata.

Como no seu filme preferido em que um iceberg mata muitas pessoas, no nosso relacionamento não foi diferente, você, essa pedra enorme de gelo acabou com qualquer sentimento bom. Morremos por sua frieza.

Dizem por aí que só se pode dar o que se tem; Deve ser por isso que não recebi nada seu. 

Por um tempo desejei ser remédio e te curar dessa inconstância que te destrói, mas só sou amor, essa coisa descartável.

Mas, vem cá, dói segurar o sorriso a noite inteira? Porque me dói chorar todo o tempo.

Se a culpa foi o que te que restou, em mim, o que ficou foi a ausência do abraço... que não tive. 

Só tome cuidado com o rumo que tomar, o buraco pode ser mais fundo do que o que você tem frequentado. 

E não se esqueça que, em um passado não muito distante, o seu sorriso já foi a coisa mais linda que os meus olhos encontraram. 

Quando foi que você se perdeu? 

Confesso que ainda não consigo andar sozinho depois dessa rasteira chamada decepção. Vou engatinhando aos poucos, carregando comigo um coração remendado que, de tanto levar soco, já não funciona mais.

Hoje, mais do que nunca, tenho certeza de que um tiro teria feito menos estrago.

Dá o Play!





6 comentários:

  1. Chorando! Mais gente precisava ler isso, a ressonância garanto que seria a mesma... Obrigado, você me fez refletir muito!

    ResponderExcluir
  2. Pensei que um relacionamento fosse feito de duas pessoas. E assim sendo, todxs teriam sua parcela nas consequências... Achei vitimizado. Força!

    ResponderExcluir
  3. que vontade de te abraçar e não soltar nunca mais

    ResponderExcluir
  4. Me identifico nos seus textos. Leio, leio, leio e não dá vontade de parar, dai passo para o próximo ... Excelente!

    ResponderExcluir
  5. Conheci seu blog pelo Instagram ainda bem. Foi um ganho, mas lá meu nome está paulagrigorio.

    ResponderExcluir